I T 9 M A R K E T I N G
Passar Segurança nas Vendas Online

O setor de comércio eletrônico é um dos alvos mais lucrativos para os cibercriminosos. Por isso, é fundamental estar ciente dos riscos e tomar as medidas certas para proteger sua loja virtual e passar segurança nas vendas online.

Confira essas Cinco melhores Práticas de Segurança para proteger sua Loja Online, evitar fraudes de comércio eletrônico e manter a confidencialidade dos dados de seus clientes.

Como Passar Segurança nas Vendas Online

Como proprietário de uma empresa de comércio eletrônico, você deve garantir que todos os dados do cliente sejam tratados com segurança. A segurança do comércio eletrônico pode ser um assunto delicado, mas é sua responsabilidade proteger o seu site contra hackeamentos e roubo de dados confidenciais do cliente.

Os consumidores querem se relacionar com uma empresa em que possam confiar. Quando eles inserem suas informações pessoais, como número de cartão de crédito ou outros dados bancários em um formulário do seu site, eles esperam estar bem protegidos. Se o seu negócio for comprometido e as informações do cliente forem expostas, os consumidores terão menos probabilidade de fazer negócios com você no futuro.

No entanto, não se trata apenas de seus clientes. Se o seu site for comprometido por hackers, você terá que pagar para consertar a falha de segurança. Isso pode incluir o pagamento de uma investigação forense, os serviços de recuperação de dados e o monitoramento de crédito para seus clientes.

A seguir, veja algumas práticas recomendadas para proteger sua loja online:

Escolha uma Plataforma de Comércio Eletrônico Segura

A primeira etapa para construir um site de comércio eletrônico seguro é usar uma plataforma segura. Existem tantas plataformas de e-commerce disponíveis que pode ser difícil escolher a melhor para você. No entanto, certifique-se de que ela tenha medidas de segurança abrangentes.

Além disso, certifique-se de que está executando a versão mais recente do software. Sempre que houver uma nova atualização disponível, instale-a imediatamente.

Implementar Certificados SSL

SSL é o padrão de fato para proteger transações online. O certificado SSL autentica a identidade dos usuários e criptografa os dados na loja e em trânsito. SSL é essencial para estabelecer conectividade segura entre os sistemas do usuário final e o seu site de comércio eletrônico.

Para compradores experientes em tecnologia, o ícone de cadeado e o “HTTPS” na barra de endereço são pré-requisitos para fornecerem seus dados pessoais e informações de cartão de crédito, por exemplo. Se os consumidores acreditarem que um fornecedor está fazendo todo o possível para proteger suas transações, é mais provável que façam negócios com ele.

Considere a Autenticação de Dois Fatores

Credenciais de usuário roubadas ou comprometidas são uma causa comum de violações de segurança na web. Existem várias maneiras de ‘phishing’ para roubar ou adivinhar credenciais de usuário válidas e comprometer a segurança de sua loja online. É aí que surge a necessidade de um mecanismo de autenticação de usuário comprovado; é uma base para proteger sua loja online e seus clientes das tentativas de hacking.

Muitos sites de comércio eletrônico implementam a autenticação de dois fatores (2FA) como uma camada extra de segurança. Este é um processo de segurança no qual um usuário válido precisa fornecer dois meios de identificação; um é normalmente a combinação de nome de usuário / senha, enquanto o segundo é geralmente um código gerado automaticamente e enviado ao número de telefone cadastrado. Os hackers podem quebrar a senha, mas não podem roubar esse código, que geralmente expira após um curto período.

Use uma Rede Virtual Privada

Ao lidar com dados de clientes e transações financeiras em particular, você precisa ser extremamente cuidadoso nas redes públicas. Os dados transferidos por redes públicas são vulneráveis ​​à interceptação por usuários mal-intencionados. Um serviço VPN é útil em tal situação. Ele fornece uma conexão criptografada com um servidor externo seguro, o que evita que terceiros se insiram entre você e o servidor.

Eduque seus Clientes e Funcionários

Os usuários precisam de educação sobre as leis e as políticas que afetam os dados do cliente. Eduque seus clientes e também sua força de trabalho sobre as práticas de segurança da informação. Informe como você protege as informações do cartão de crédito dos clientes e o que eles devem fazer para manter as informações financeiras seguras. Destaque as melhores práticas de sua organização para segurança de dados e diga a eles para não divulgarem dados confidenciais por e-mail, por texto ou por comunicação por chat.

Seus funcionários também devem ser treinados sobre as ações necessárias para manter os dados dos clientes seguros. Oriente-os a cumprirem estritamente os protocolos e as políticas de segurança obrigatórios para proteger sua empresa de possíveis consequências legais.

Dicas Bônus

Política de Privacidade

Uma política de privacidade bem elaborada é importante para transmitir o compromisso da loja com o sigilo das informações. Procure deixar bem claro:

  • Como a empresa trabalha;
  • Como os dados fornecidos são armazenados e se são criptografados (não se esqueça de explicar como funciona a criptografia).

Procure deixar bem claro quais as razões para solicitar informações pessoais dos compradores e antecipar as possíveis dúvidas que eles possam ter.

Selo de Segurança

O item mais essencial em uma loja virtual. Segundo pesquisas, a exibição do selo de segurança nas páginas da loja pode aumentar as vendas entre 12% e 15%.

Procure posicionar o selo em um local o mais visível possível. Essa estratégia, transmite ainda mais segurança aos consumidores.

Mais Informações sobre segurança nas vendas online na Internet:

Artigo Publicado em: 13 de jun de 2013 e Atualizado em: 08 de mar de 2021

Espalhe com amor

Posts Relacionados

Leave a Comment