I T 9 M A R K E T I N G
Mídia Digital

Mídia Digital – Tudo que Você Precisa Saber Dessa Indústria em Expansão

Antes do advento da era digital, as formas de mídia mais populares eram o que hoje chamamos de mídia analógica ou tradicional: rádio, jornais, revistas, outdoors, periódicos e similares. Desde então, a revolução tecnológica trouxe muitos novos tipos de mídia que agora desempenham um papel importante na disseminação de informações e entretenimento. Mas o que é mídia digital? O que abrange, como evoluiu e para onde se dirige?

Continue lendo para aprender mais sobre Mídia Digital, incluindo diferentes tipos, grandes empresas da área e mercados de trabalho de mídia digital.

Definindo Mídia Digital

Ao contrário da mídia tradicional, a mídia digital é transmitida como dados digitais, o que na sua forma mais simples envolve cabos digitais ou satélites enviando sinais binários –– 0s e 1s –– para dispositivos que os traduzem em áudio, vídeo, gráficos, texto e muito mais.

Abrange uma ampla variedade de sites, dispositivos de tecnologia e plataformas. Você pode estar ciente de alguns usos da mídia digital, mas o fato é que a mídia digital influencia muitos setores e abriu uma série de caminhos para que as pessoas ganhem a vida e utilizem seus talentos de maneiras diferentes.

Tipos de Mídia Digital

A mídia tradicional (não digital) inclui vários tipos de tecnologias de comunicação, algumas das quais já existem há centenas de anos. Jornais, revistas, livros e outros materiais impressos estavam entre os primeiros tipos de mídia tradicional.

A era digital, no entanto, significou um novo conjunto de métodos e dispositivos de transmissão de mídia, com mais desenvolvimento a cada ano. Hoje em dia, a maioria dos tipos de mídia digital se encaixa em um destes subgrupos principais:

  • Áudio: as formas de áudio da mídia digital incluem estações de rádio digital, podcasts e audiolivros. Dezenas de milhões de indivíduos assinam serviços de rádio digital, como Apple Music e Spotify, que oferecem uma ampla variedade de estações musicais e permitem que os usuários ouçam bancos de dados de milhões de músicas sob demanda;
  • Vídeo: muitos veículos de mídia digital são visuais, desde streaming de filmes e serviços de televisão, como a Netflix, até simuladores cirúrgicos de realidade virtual usados ​​em instituições médicas. Um dos maiores players da mídia digital visual é o YouTube, que hospeda bilhões de vídeos. Lançado em 2005, o site é um dos destinos mais populares da web;
  • Mídia social: a mídia social inclui sites como Twitter, Facebook, Instagram e LinkedIn, que permitem que seus usuários interajam uns com os outros por meio de postagens de textos, fotos e vídeos, deixando “curtidas” e comentários para criarem conversas sobre os eventos diários da vida dos usuários;
  • Publicidade: os anunciantes entraram no cenário da mídia digital aproveitando as parcerias de marketing e o espaço publicitário sempre que possível. A internet deixou de usar anúncios pop-up e autoplay, que inundavam os primeiros sites e afastavam os visitantes. Em vez disso, os anunciantes buscam conteúdo nativo e outros métodos de manter os consumidores engajados sem exagerar na venda de seus produtos;
  • Notícias e posts de blog: tradicionalmente, as pessoas consumiam textos por meio de livros, jornais impressos, revistas e similares. Embora a mídia digital tenha proliferado, o desejo por esse tipo de experiência de leitura perdurou. A proliferação de sites literários, a popularidade de recursos como a Wikipedia e o aumento de leitores eletrônicos como o Kindle, sublinham ainda mais a importância contínua do trabalho escrito na mídia digital.

Principais Empresas

À medida que o mundo digital assumiu o controle do cenário empresarial moderno, algumas das empresas mais valiosas do mundo estão na esfera tecnológica. Muitas dessas empresas têm diversos interesses e divisões, inclusive em várias formas de mídia digital e empreendimentos relacionados. Como tal, as principais empresas de mídia digital estão entre as maiores corporações do planeta.

  • O Google, fundado em 1998 por Larry Page e Sergey Brin, começou como um novo mecanismo de busca revolucionário, que impulsionou o crescimento de uma das marcas mais valiosas do mundo. O Google se tornou uma grande empresa multinacional de tecnologia, desenvolvendo tudo relacionado à internet, incluindo seu próprio navegador (Chrome), laptops (Chromebooks), óculos inteligentes e transmissões de televisão pela internet (Chromecast);
  • A Netflix foi lançada em 1997 como um serviço de aluguel de filmes on-line, onde as pessoas podiam pedir DVDs e recebê-los em casa. Desde então, a Netflix cresceu de distribuidora terceirizada de filmes para a gigante do streaming on-line, com mais de 150 milhões de assinantes pagando por uma mistura de televisão, filmes e conteúdo original;
  • A Apple deixou de ser uma empresa de computadores de nicho com um marketing elegante e se tornou uma das forças tecnológicas dominantes no planeta. Fundada por Steve Jobs e Steve Wozniak, em 1976, a Apple passou o primeiro quarto de século de sua existência como uma empresa de computadores de ponta, embora lutadora, com alguns produtos impressionantes que nunca pegaram. Então, com o lançamento do iMac em 1998, seguido pelo iPod três anos depois, comercializado com as estratégias brilhantes de Jobs, a Apple passou para a vanguarda do mercado de gadgets. Nos anos que se seguiram, produtos como o iPhone, o iPad e o Apple Watch mantiveram a Apple crescendo. Milhões de indivíduos consomem grandes quantidades de mídia digital todos os dias por meio de produtos Apple, como iTunes e Apple TV;
  • Facebook é um dos maiores sites de mídia social. Além disso, o Facebook é dono do Instagram e de outras plataformas como o WhatsApp. À medida que as gerações que cresceram com as mídias sociais envelhecem e os novos usuários amadurecem, o número de pessoas nessas plataformas provavelmente continuará a crescer;
  • A Amazon continua sendo um titã do comércio digital, com uma enorme presença na esfera da mídia digital. Do Amazon Prime e seu serviço de streaming que o acompanha a assistentes pessoais, serviço em nuvem e publicidade digital, a empresa tem uma presença on-line expansiva.

Carreira

A mídia digital inclui uma ampla gama de plataformas, produtos e setores. Assim, o mercado de trabalho e o potencial de ganho para carreiras em mídia digital variam de acordo com o setor, a localização, a experiência de trabalho e a educação, mas, em geral, as perspectivas são boas.

Existem muitos empregos na mídia digital, incluindo nos setores público e privado. Como tal, carreiras em mídia digital oferecem a oportunidade de trabalhar em todos os tipos de ambientes diferentes.

Os especialistas em mídia digital podem trabalhar com redes sociais, onde usam habilidades de design gráfico para ajudar as empresas com sua marca e voz. Eles também podem usar habilidades na câmera e de escrita, bem como habilidades de edição de vídeo ou áudio para criar pacotes para uso em campanhas de marketing digital.

Mais Informações sobre este assunto na Internet:

Artigo Publicado em: 16 de maio de 2019 e Atualizado em: 05 de julho de 2021

Quem leu também se interessou por

1 Comment

Deixe um Comentário, uma Dúvida ou Sugestão