Problemas de Formatação de Texto no WordPress

Autor: Danillo Leite

Publicado em: - Modificado em:

Formatação de Texto no WordPress. O WordPress estabeleceu uma plataforma que permite que os escritores criem conteúdo legível com suas ferramentas de edição. De negrito e itálico ao uso de subtítulos e marcadores rápidos, a barra de formatação permite a criação de páginas atraentes e fáceis de visualizar.

No entanto, existem soluções para pessoas que não usam diretamente o editor integrado ou que não conhecem os atalhos que podem acelerar o processo de formatação.

Neste artigo, aprenda a corrigir problemas comuns de formatação do WordPress e aproveitar as soluções oferecidas pelo WordPress para criar um trabalho legível e envolvente.

Formatação de Texto no WordPress

Formatação de Títulos

Os títulos são as pistas visuais dos artigos, pois determinam qual será todo o conteúdo, influenciando assim a forma como o texto será lido. É a parte que atrai a atenção dos leitores e, portanto, não deve ser apenas envolvente, mas também legível.

Os cabeçalhos HTML no WordPress são criados usando tags de cabeçalho. Essas tags são essenciais para mostrar claramente a transição entre títulos e subtítulos. Eles fornecem a estrutura do texto e variam em diferentes tamanhos, desde o título principal até o subtítulo menos crítico.

Ao utilizar o editor de texto do WordPress, é fácil envolver as tags de título na barra de formatação, dependendo do número do título e do nível de importância.

No entanto, isso é um desafio se o texto for exportado de um editor de texto externo, pois a edição inicial pode ser substituída. Isso pode ser corrigido selecionando ‘o tipo de título apropriado’ no menu suspenso ‘editor visual’.

Copiar do Word para o WordPress

O texto que foi copiado diretamente do Word para o WordPress não pode ser publicado em um site sem edição, pois as plataformas não são compatíveis.

Os códigos HTML causam problemas de formatação. Para evitar que os códigos misteriosos apareçam, basta utilizar a opção de “Colar sem Formatação”.

Outra opção é mudar para o editor de texto onde, após colar o conteúdo, o usuário exclui os códigos extras, as tags e quebras de linha e, por fim, garante que cada entrada seja colocada corretamente em uma nova linha.

O modo de edição de texto permite ao usuário remover manualmente os códigos. No entanto, o processo requer um conhecimento de HTML.

Usar Plugins de Formatação

Esses plugins permitem que os usuários evitem problemas de formatação. Usar plugins como o TinyMCE Advanced auxilia na transferência de conteúdo de editores externos.

O plugin TinyMCE Advanced corrige muitos problemas importantes no WordPress. Ele permite que os usuários mantenham as tags de parágrafo adicionadas manualmente e tenham várias opções, como criar e editar tabelas, e definir o tipo e o tamanho da fonte no editor. Os usuários obtêm recursos práticos adicionais que, de outra forma, exigiriam que o usuário os inserisse manualmente.

Outros plugins, como o Wordable, foram recomendados para corrigir problemas de formatação que permitem aos usuários digitar normalmente como em um documento do Word. Ele permite que toda a formatação e as imagens sejam importadas para o WordPress sem edição adicional, tornando-se uma ferramenta colaborativa essencial. No entanto, é um plugin pago, portanto, exige que os usuários invistam em um plano pago.

É comum que os escritores usem diferentes ferramentas de edição ao criar conteúdo e usem o WordPress para importar o conteúdo para suas plataformas on-line. No entanto, é evidente que copiar e colar texto de um editor externo introduz uma série de problemas na página. O uso de plugins e recursos de formatação no editor visual e no editor de texto permite que os usuários resolvam esses problemas e criem conteúdo legível.

Mais Informações sobre este assunto na Internet:

Artigo Publicado em: 25 de jul de 2013 e Atualizado em: 20 de junho de 2022

Compartilhar:
© iT9 Marketing Digital em Santo André - Todos os Direitos Reservados.
Um produto AbcTudo Notícias