Windows Server

Fazer o Windows 10 Voar sem Engasgar com Segurança?
Blog, Company, Redes, Segurança, Servidores, Technology, Windows, Windows 10, Windows 8, Windows 8.1, Windows Server

Fazer o Windows 10 Voar sem Engasgar com Segurança?

Fazer o Windows 10 Voar sem Engasgar com Segurança? O Windows 10, como a maioria dos sistemas operativos, têm presentes elementos gráficos para atrair os utilizadores. Estes são úteis para a parte visual, mas muitas vezes são autênticos pesadelos no que toca ao desempenho.

Fazer o Windows 10 Voar sem Engasgar com Segurança?

Naturalmente que na maioria dos casos estes podem ser removidos ou simplesmente desativados. As vantagens são óbvias e imediatas, com os sistemas a terem melhores prestações. Veja então como podem tornar o Windows 10 mais rápido.

Uma Melhoria no Windows 10

Windows 10 Mais Rápido Passo 1

Windows 10 Mais Rápido Passo 1

Quem usa o Windows 10 de forma recorrente sabe como os elementos visuais podem ser interessantes. Na verdade, estes servem apenas para tornar o sistema mais apelativo, tornando-o até mais lento e com menor desempenho. Assim, estes podem ser simplesmente desativados.

Para tratarem deste processo, devem aceder primeiro às Definições do Windows 10. Estas estão disponíveis no Menu Iniciar, como tantas vezes já se habituaram a executar noutras situações em que estiveram a melhorar o Windows.

Windows 10 Mais Rápido Passo 2

Windows 10 Mais Rápido Passo 2

Menos Elementos Gráficos, Melhor Desempenho

Dentro das Definições do Windows, deve procurar a opção Facilidade de Acesso para darem continuidade ao processo de configuração. Este deverá abrir uma nova área, dedicada aos elementos visuais deste sistema.

De seguida, e já nesta nova área, devem descer dentro do separador de Tela até ao final. Aí dentro, na área Simplificar e personalizar o Windows, devem ter presente a opção Mostrar animações no Windows. Esta deverá ser desativada.

Um sistema ainda mais Rápido

Após esta alteração, de imediato, o Windows 10 passará a mostrar menos elementos visuais na sua utilização. Assim, irá consumir menos recursos e por isso ser mais eficiente e mais rápido. O ganho pode não ser imediatamente visível.

Esta é mais uma das muitas opções que podem alterar no Windows 10 para que este seja mais eficiente, tenha mais desempenho e assim ser mais rápido. Os ganhos são importantes e superam tudo o que possa ser perdido em termos visuais ou gráficos. Façam esta alteração e vão ser surpreendidos com a mudança.

Como funciona o benchmark, ou Índice de Experiência do Windows?

Existem muitos excelentes programas no mercado para medir o desempenho da máquina levando em consideração processador, memória e placa de vídeo.

Sendo assim, com um Software de Medição de desempenho podemos analisar em todas as versões do Windows 10 (resolver o problema do HD 100% no Windows 10) atualmente, medir a capacidade da máquina de rodar o próprio sistema operacional e todos os seus efeitos de transparência, assim como jogos.

Utilizando a Técnica referenciada acima, pode notar um desempenho melhor de até 03% (três) no desempenho parado da Maquina. Imagine isso em um jogo, são 1 ou 2 frames de bonus. Para você. Se for para trabalhar, imagine uma renderização de 04 (quatro) ou 05 (cinco) horas. Podemos reduzir em alguns minutos. Agora vamos pensar um pouco além, render de 01 (dia).

O Windows 10 possui uma série de efeitos visuais que podem deixar o sistema lento. Essas animações, na maioria das vezes, são apenas para deixar o PC mais bonito e podem ser desativadas sem nenhum prejuízo à máquina. O computador está muito lento? Veja como desativar os efeitos visuais do sistema operacional da Microsoft.

Blog, Windows, Windows 10, Windows 7, Windows 8, Windows 8.1, Windows Server

Mozilla lança o Firefox 42 para Windows 32 e 64 bits

A Mozilla disponibilizou para download nesta semana o Firefox 42, versão mais recente do popular navegador com código aberto, para Windows 32 e 64 bits.

O navegador oferece recursos como o suporte para extensões, navegação por abas (tabbed browsing), alerta contra sites maliciosos e suporte para sincronização de informações (histórico de navegação, senhas, favoritos e até mesmo abas abertas).

Ele possui um gerenciador de senhas, bloqueador de janelas pop-up, pesquisa integrada, corretor ortográfico, gerenciador de downloads, leitor de feeds RSS e muitos outros.

Mozilla lança o Firefox 42 para Windows 32 e 64 bits

De acordo com o changelog publicado aqui, o Firefox 42 traz, além da versão 64 bits oficial para Windows, melhorias no suporte para navegação privada, nova Central de Controle que reúne em um só lugar as configurações de segurança e privacidade do navegador, melhorias no suporte para o protocolo WebRTC, melhorias no gerenciador de login e outras novidades.

Faça o download do Firefox 42

A versão 32 bits do Firefox 42 para Windows está disponível para download aqui. A versão 64 bits para o sistema operacional da Microsoft está disponível para download aqui.

Desenvolvedores de sites e aplicações Web podem obter as versões 32 e 64 bits do Firefox Developer Edition clicando aqui.

Quem instalou o Serviço de Manutenção junto com uma versão anterior do navegador deverá receber o Firefox 42 automaticamente.

Saiba mais sobre o navegador Firefox aqui.

Blog, Windows, Windows 7, Windows 8, Windows 8.1, Windows Server

Migrar para domínio sem perder o perfil local

Muita gente, quando vai migrar um usuário para domínio, pensa que não é possível “transformar” o perfil dele atual para o de domínio. Acabam fazendo backup de tudo (emails, documentos, icones, favoritos, etc.) criando outro perfil e importando tudo.

Isso dá muito tabalho e existe uma maneira simples. O usuário vai ficar com a mesma “cara”, ele nem vai perceber que entrou em domínio e você vai salvar um tempo precioso. XP e Vista.

Vamos lá. Primeiro coloque a máquina em domínio normalmente, como você já está acostumado. Depois, logue com o perfil de domínio para que o windows crie as pastas de armazenamento.

Agora faça logoff e entre como administrador. Vá no gerenciamento avançado do sistema (fig1)

perfil1

perfil1

Depois, vá em avançados, perfis de usuário, configurações (fig2)
perfil2

Veja que (fig3,4), para facilitar o tutorial, eu criei dois usuários. Um é a origem (perfil local) e outro é o destino (perfil de domínio recém criaro, que está atualmente vazio). Clique no perfil que deseja copiar e vá em “Copiar para”

Agora você vai escolher em qual pasta vai colar o perfil. No Vista estão em c:Users e no XP c:Documments and Settings, se me lembro bem. Depois de clicar em OK ele vai reclamar que já existe um perfil nesse local. Tudo bem, pois esse é o intuito.

E pronto!!! Em menos de 3 minutos você conseguiu migrar para o domínio e não perdeu nada do usuário. Essa dica serve também para outros fins, tipo, poderia mover o usuário de um pc para outro! Bastava a unidade C do computador remoto estar mapeada que você iria colar o perfil do usuário lá.