Windows 7

Notificações - Como Impedir Sites de Ficarem Solicitando Mostrar - IT9
Blog, Uncategorized, Windows 10, Windows 7, Windows 8, Windows 8.1

Como Impedir Sites de Ficarem Solicitando Mostrar Notificações

Você quer Impedir Sites de Solicitarem Mostrar Noticiações o Tempo Todo?

Os navegadores Web permitem que sites de notícias, lojas e até de redes sociais mostrem notificações a cada nova atividade: é possível ver um pop-up informando que a página deseja exibir notificações na área de trabalho. Se o usuário confirmar, passará a receber uma notificação cada vez que sair uma atualização na plataforma.

É possível desativar e bloquear esses prompts de notificação do navegador.

Veja como acabar com isso no ChromeFirefox e Safari.

Dentre os principais navegadores que oferecem suporte para notificações, o único que ainda não possui uma maneira de impedir que sites fiquem pedindo para mostrar notificações é o Microsoft Edge(Tem que ser o baixador Oficial de Navegadores mais querido do mundo né). Nesse navegador, tudo que o usuário pode fazer é clicar em “Não” quando for perguntado se deseja que um site mostre notificações — portanto, fique atendo à novas janelas pop-up.

No Google Chrome: Como Impedir Pedidos para Exibir Notificações

Para impedir que sites fiquem pedindo para mostrar notificações no Chrome, clique dentro da caixa de endereços, digite “chrome://settings/content” (sem as aspas) e tecle ”enter”.

Em “Configurações de conteúdo”, marque a opção “Não permitir que nenhum site exiba notificações”. Se quiser deixar algum site fora dessa regra, clique no botão “Gerenciar exceções…”. Quando terminar, clique no botão “Concluído”.

Notificações - Como Impedir Sites de Ficarem Solicitando Mostrar - IT9
Desativando as notificações de sites no Google Chrome (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Como impedir pedidos para exibir notificações no Firefox

Passo 1. Abra o Firefox e clique dentro da caixa de endereço do navegador, digite “about:config” e tecle ”enter”. Será exibida uma mensagem alertando para o perigo de mexer nas configurações do Firefox. Para continuar, clique no botão “Eu aceito o risco!”;

Notificações - Como Impedir Sites de Ficarem Solicitando Mostrar - IT9
Acertando os riscos das mudanças a serem feitas (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 2. No campo “Localizar”, digite “notifications”. Você verá que configuração padrão do parâmetro “dom.webnotifications.enabled” é “true”, o que significa que ele está ativado.

Para impedir que sites fiquem pedindo para mostrar notificações no Firefox, clique duas vezes sobre o item “dom.webnotifications.enabled”, para alterá-lo para “false”.

Notificações - Como Impedir Sites de Ficarem Solicitando Mostrar - IT9
Desativando as notificações de sites no Mozilla Firefox (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Como impedir pedidos para exibir notificações no Safari

Passo 1. Abra o Safari e clique no menu “Safari” na barra de menu e, logo depois, em “Preferências…”;

Passo 2. Na janela de “Preferências”, clique na guia “Notificações”. Em seguida, desmarque a opção “Permitir que sites solicitem permissão para enviar notificações por push”. Se quiser, clique no botão “Remover Tudo” para retirar os sites que já possuem autorização para enviar notificações.

Notificações - Como Impedir Sites de Ficarem Solicitando Mostrar - IT9
Desativando as notificações de sites no Apple Safari (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Pronto! Agora você pode navegar tranquilamente, sem ser perturbado pelos sites. Caso mude de ideia, basta entrar nas configurações do seu navegador e reativar as notificações.

Saiba Mais sobre o Marketing Digital Para Médicos

Recomendamos aos Pais Conhecerem o Neuropediatra São Paulo

Sabemos o Quanto isso era chato no Celular(SmartPhone) e essa chata tendencia chegou aos navegadores dos desktops. Os chatos vão dizer que é uma ferramenta boa… que eles utilizam, do mesmo jeito que tem 3000 pessoas que eles seguem no instagram e ainda tem a coragem de dizer que conseguem ver tudo o que foi postado. Mas para a grande maioria em pesquisas na internet, essa opção de chamar atenção é outra foram chata! Pois mesmo que você não queira, ela fica insistentemente enchendo os pacovas e a maioria dos sites acha isso interessante. Pois tem site que nem atualizações tem e está lá a chata janela.

Penso que, já que inventaram, deveria ao menos ser opcional ao usuário utilizar ou não. Mas quem está ai para opinião do internauta? Tudo que mais vemos hoje em dia é a total e sem qualquer regra invasão de privacidade. Boa sorte à nós nesse futuro que nos espera.

Grande Abraço a Todos

Blog, Windows, Windows 10, Windows 7, Windows 8, Windows 8.1, Windows Server

Mozilla lança o Firefox 42 para Windows 32 e 64 bits

A Mozilla disponibilizou para download nesta semana o Firefox 42, versão mais recente do popular navegador com código aberto, para Windows 32 e 64 bits.

O navegador oferece recursos como o suporte para extensões, navegação por abas (tabbed browsing), alerta contra sites maliciosos e suporte para sincronização de informações (histórico de navegação, senhas, favoritos e até mesmo abas abertas).

Ele possui um gerenciador de senhas, bloqueador de janelas pop-up, pesquisa integrada, corretor ortográfico, gerenciador de downloads, leitor de feeds RSS e muitos outros.

Mozilla lança o Firefox 42 para Windows 32 e 64 bits

Mozilla lança o Firefox 42 para Windows 32 e 64 bits

De acordo com o changelog publicado aqui, o Firefox 42 traz, além da versão 64 bits oficial para Windows, melhorias no suporte para navegação privada, nova Central de Controle que reúne em um só lugar as configurações de segurança e privacidade do navegador, melhorias no suporte para o protocolo WebRTC, melhorias no gerenciador de login e outras novidades.

Faça o download do Firefox 42

A versão 32 bits do Firefox 42 para Windows está disponível para download aqui. A versão 64 bits para o sistema operacional da Microsoft está disponível para download aqui.

Desenvolvedores de sites e aplicações Web podem obter as versões 32 e 64 bits do Firefox Developer Edition clicando aqui.

Quem instalou o Serviço de Manutenção junto com uma versão anterior do navegador deverá receber o Firefox 42 automaticamente.

Saiba mais sobre o navegador Firefox aqui.

Blog, Windows 10, Windows 7, Windows 8, Windows 8.1

HD 100% de uso Windows 10

HD 100% de uso no Windows 10

HD 100% de uso no Windows 10

[alert type=”warning” close=”true”]Realize essas alterações por conta e risco. Já executei o procedimento em diversos computadores aqui no Brasil e em Londres com 100% de sucesso[/alert]

Seu Computado depois de um tempo utilizando o Windows 10 fica parecendo uma carroça?!? ou na hora que liga são mais de 10 minutos esperando para utiliza-lo? Nada abre, tudo é uma tortura…. e quando você vai ver o Fluxo de uso do disco está de 80% a 100% o tempo todo!?!?

Digo à você é um erro grotesco da Microsoft com o tratamento da memória Virtual.

E agora digo mais, já acredito ser um bug conhecido para trocar do HHD por um SSD. Meus computadores com SSD não tem mais este problema…. já os outros…. RAID ameniza mas não resolve.

A Memória virtual é um arquivo de tamanho fixo ou dinâmico reservado no disco rígido que funciona como  um cache para auxilar a memória RAM quando esta se esgota. A denominação deste arquivo é “Arquivo de paginação”. Seu mecanismo funciona como uma forma de estender a quantidade de memória para dados temporários utilizados pelos aplicativos em execução.

Aqui neste tutorial, você vai aprender como configurar manualmente a quantidade de memória virtual para resolver o problema do hd por meio do Windows 10. Fique ligado, pois o processo todo é muito simples. Confira.

Faça você mesmo

Para começar, clique com o botão direito do Mouse, no canto inferior esquerdo da tela no windows 10(tanto no modo Desktop quanto no Menu iniciar novo). Em seguida, clique com o botão esquerdo do mouse sobre “Sistema.

HD 100% de uso windows 8

No painel à esquerda, clique em “Configurações avançadas do sistema”.

HD 100% de uso windows 8

Uma nova janela será aberta. Nela, na aba “Avançado”, clique no botão “Configurações” — há três iguais, clique naquele relacionado à área de desempenho.

HD 100% de uso windows 8

Selecione a aba “Avançado” e repare na área “Memória virtual”, na parte de baixo da tela. Clique em “Alterar”.

HD 100% de uso windows 8

Nesta nova janela, primeiro desmarque a caixa “Gerenciar automaticamente o tamanho do arquivo de paginação de todas as unidades” — é isso que vai dar a você a liberdade para escolher o espaço em disco que deve ser reservado para exercer a função da memória RAM. Logo abaixo, selecione o drive onde está instalado o seu sistema operacional.

Por último, selecione o botão “Sem Arquivo de Paginação” (CUIDADO Só FAÇA ISSO SE TIVER MAIS DE 2g de RAM). Com tudo certo, clique no botão “Definir” e depois em “OK”.

HD 100% de uso windows 8

Deixe seu comentário e nos diga se conseguiu… se foi td ok, dúvidas só perguntar.

HD 100% de uso no Windows 10

Microsoft Windows 10 – Clique aqui

 

Veja aqui a máteria sobre o Windows 8 e o 8.1

 

dúvidas comente.

Blog, Windows, Windows 7, Windows 8, Windows 8.1, Windows Server

Migrar para domínio sem perder o perfil local

Muita gente, quando vai migrar um usuário para domínio, pensa que não é possível “transformar” o perfil dele atual para o de domínio. Acabam fazendo backup de tudo (emails, documentos, icones, favoritos, etc.) criando outro perfil e importando tudo.

Isso dá muito tabalho e existe uma maneira simples. O usuário vai ficar com a mesma “cara”, ele nem vai perceber que entrou em domínio e você vai salvar um tempo precioso. XP e Vista.

Vamos lá. Primeiro coloque a máquina em domínio normalmente, como você já está acostumado. Depois, logue com o perfil de domínio para que o windows crie as pastas de armazenamento.

Agora faça logoff e entre como administrador. Vá no gerenciamento avançado do sistema (fig1)

perfil1

perfil1

Depois, vá em avançados, perfis de usuário, configurações (fig2)
perfil2

Veja que (fig3,4), para facilitar o tutorial, eu criei dois usuários. Um é a origem (perfil local) e outro é o destino (perfil de domínio recém criaro, que está atualmente vazio). Clique no perfil que deseja copiar e vá em “Copiar para”

Agora você vai escolher em qual pasta vai colar o perfil. No Vista estão em c:Users e no XP c:Documments and Settings, se me lembro bem. Depois de clicar em OK ele vai reclamar que já existe um perfil nesse local. Tudo bem, pois esse é o intuito.

E pronto!!! Em menos de 3 minutos você conseguiu migrar para o domínio e não perdeu nada do usuário. Essa dica serve também para outros fins, tipo, poderia mover o usuário de um pc para outro! Bastava a unidade C do computador remoto estar mapeada que você iria colar o perfil do usuário lá.

Blog, Servidores, Windows, Windows 7, Windows 8, Windows 8.1

Executando programas com credenciais de Administrador

Quem trabalha com TI com certeza já passou por situações onde um software precisa ser executado com credenciais de administrador, você daria esse privilegio a seus usuários?

Por questões de segurança, usuários utilizam contas restritas ou seja, não possuem privilégios de administrador, isso garante que usuários não possam alterar algumas configurações do computador como também a instalação de softwares. Alguns softwares necessitam de permissões para gravar em determinadas pastas ou modificar o registro do Windows e usuários restritos não possuem privilégios para concluir essas modificações.

Para resolver esse problema sem tornar o usuário um “administrador” basta utilizar o comando RUNAS também conhecido como “executar como” em nossa interface gráfica.

Abra as propriedades do atalho do software o qual pretendemos que seja executado como administrador.

runas1

Em destino, antes do caminho do executável inclua o comando Runas /savecred ficando

runas /savecred /user:administrador “C:WindowsSystem32cmd.exe”

Agora voce deverá clicar no atalho, será pedido uma senha, apos a digitação essa senha será memorizada pelo windows e não será solicitada novamente.

na figura abaixo voce poderá visualizar que o prompt esta sendo executado como administrador.

runas2

OBS: Neste exemplo utilizei o prompt de comando pois com ele é possivel exibir o usuario que esta executando-o, porem não recomendo esse uso em ambientes reais.

Caso seja necessário remover ou alterar a senha digitada use o console “contas de usuários” digitando “control userpasswords2” no executar.

Na aba “Avançado” clique em “gerenciar senhas”runas3

clique em credenciais do Windows, e modifique a credencial desejada.

runas4

outras senhas também serão salvas neste console como senhas de Área de trabalho remota.

Espero que tenham gostado e até o próximo.

Blog, Windows, Windows 7, Windows 8, Windows 8.1

Quer melhorar o desempenho do seu Windows 8 ou 8.1? É simples!

Quer melhorar o desempenho do seu Windows 8 ou 8.1? É simples!

O Windows 8 (8.1) veio mudar muito no campo dos sistemas operacionais. A maior diferença para os seus antecessores assentou na parte que os utilizadores mais usam, a sua interface.

Muitos foram os que tiveram problemas de adaptação, mas com o tempo viram que era mesmo apenas uma questão de tempo.

Sempre digo isso. Se tinha o Iphone e foi para o Android ou Windows Phone vai sobrer com o tempo! O Mesmo se trocou algum pelo Iphone. Tempo ao Tempo. Sair da sua area de conforto gera… Oposição e reação adversa! 90% das vezes.

Melhorando o Desempenho do seu Windows 8

Agora que estão habituados a usar o Windows 8(8.1), é hora de o tornarem ainda mais responsivo e com uma melhor prestação.

Quer melhorar o desempenho do seu Windows 8 ou 8.1? É simples!

O Windows, quer a versão 8 (8.1) ou seus antecessores, foi preparado para gerir de forma eficiente os recursos que tem disponíveis. No entanto, nem sempre esses recursos abundam, e o Windows não os consegue tratar da melhor forma.

Existe ainda o caso de haverem recursos disponíveis e o Windows usá-los para embelezar o sistema e tentar dar ao utilizador uma experiência mais rica, o que nem sempre é benéfico. Algumas placas de video mesmo modernas carecem de desempenho em prol do preço.

A forma de conseguirem libertar esses recursos para as funções mais importantes e que aumentam o desempenho de vossa máquina é simples e rápido de implementar. Apenas necessitam de saber onde alterar.

A sua maioria são efeitos visuais que apenas servem para mostrar ao utilizador um sistema mais limpo e com ma imagem cuidada, o que nem sempre é o desejado, por quererem um sistema mais rápido e com melhor resposta.

Como melhorar facilmente o desempenho do seu windows 8

Para alterar a gestão dos recursos e aos efeitos que o Windows irá gerar, precisam de clicar com o botão direito do mouse no novo botão Iniciar.

desempenho do seu windows 8 sempre atrapalha quando você mais precisa.

Na lista de opções disponíveis devem escolher System(Sistema), que é a que vos dá acesso às definições do sistema, onde vão alterar as opções selecionadas.

Quer melhorar o desempenho do seu Windows 8 ou 8.1? É simples!

Na nova janela que se abrir, a referente ao vosso sistema, devem escolher a opção que permite aceder às definições avançadas do sistema.

Por isso cliquem em Advance system settings(Configurações Avançadas do Sistema), localizada na zona esquerda dessa janela.

Quer melhorar o desempenho do seu Windows 8 ou 8.1? É simples!

A janela que for aberta a seguir altera todas as definições do vosso sistema. É composta por vários separadores, cada um contendo informação e definições específicas de cada área do sistema.

A que procuram é Advanced(Avançada), pelo que devem escolher esse separador. Aí dentro devem carregar no botão Settings(Configurações), da área de Performance.

Quer melhorar o desempenho do seu Windows 8 ou 8.1? É simples!

Estão agora na zona das definições que o Windows controla e que trata da componente visual do sistema operacional. Estão disponíveis quatro conjuntos de opções distintas, cada uma com um grupo de definições selecionadas.

O vosso sistema deve estar com a gestão automatizada, o que corresponde à opção Let Windows what’s best for my computer(Deixe que o Windows escolha a melhor opção para o Meu computador).

win8_performance_4

Devem agora escolher uma de duas opções. Ou definem de imediato a melhor performance possível, com a opção Adjust for best performance, ou escolhem Custom e definem as opções que querem activas, seleccionando abaixo as que querem activas, da lista disponível.

Para esta última opção podem ir seleccionando opções e aplicando, vendo se estas têm ou não impacto no sistema e/ou na interface do Windows.

win8_performance_5

Para além da melhoria do próprio Windows, e caso os ajustes feitos sejam elevados, os utilizadores podem até notar uma ligeira melhoria na duração da bateria.

A escolha do perfil mais adequado pode não ser imediata pois esta é uma situação de compromisso, entre os efeitos visuais apresentados e a performance geral do Windows.

Esta pequena dica consegue dar um pouco mais de performance generalizada ao Windows, retirando alguma latência que possa existir, tornando-o mais rápido e melhor de usar.

Microsoft 

Lembrando que: Este recurso existe desde o Windows XP. Então serve também para o Windows XP, Vista, 7, 8, 8.1 e provavelmente para o Windows 9.

Blog, Windows, Windows 7, Windows 8, Windows 8.1

10 Atalhos do teclado que todos deveriam saber

10 Atalhos do teclado que todos deveriam saber

Usar atalhos do teclado pode aumentar significativamente sua produtividade, reduz o esforço repetitivo e ajuda você a se manter concentrado no que está fazendo. Por exemplo, selecionar uma área do texto e aperta as teclas CTRL + C é muito mais rápido que tirar a mão do teclado, procurar o mouse, aperta o botão direito do mouse e escolher a opção copiar, para copiar o texto. Assim vamos ver os 10 atalhos que todos deveriam memorizar e usar no seu dia a dia.

1 – Ctrl + C ou Ctrl + Insert

Talvez o Ctrl + C seja o atalho mais usado na computação. Os atalhos acima fazem a exatamente a mesma coisa: copiam o texto ou o arquivo selecionado.

2 – Ctrl + V ou Shift + Insert

O Ctrl  + V é casado com o Ctrl + C. Sempre andam juntos. Isso acontece porque, a medida que o Ctrl + C copia o Ctrl + V cola. Faça o teste você mesmo, copie o texto abaixo e depois cole num bloco de notas usando um dos atalhos acima:

– Oba! Aprendi os meus primeiros atalhos no Windows! –

3 – Ctrl + Z e Ctrl + Y

O primeiro atalho, o Ctrl + Z, tem a função de desfazer a ação anterior. Por exemplo, se você conseguiu copiar e colar o texto acima num bloco de notas, vá novamente até ele novamente e utilize o atalho Ctrl + Z. Você perceberá que o comando irá desfazer a ação anterior, no caso, colar o texto. Assim o texto desaparecerá. Em muitos casos é possível usar o atalho Ctrl + Z várias vezes, para voltar várias etapas de ações ou comandos.

Já o atalho Ctrl + Y tem a função de refazer o que o Ctrl + Z desfez.

4 – Ctrl + F

O atalho Ctrl + F tem a função de pesquisa. Na grande maioria dos programas, incluindo o navegador pelo qual está lendo essa matéria, suporta esse atalho. Faça o teste! Aperte agora mesmo as teclas Ctrl + F e digite qualquer letra ou palavra. O navegador fará uma busca na página.

5 – Alt + Tab ou Ctrl + Tab

O atalho Alt + Tab tem a função de alternar entre as janelas e programas abertos no Windows. Isso agiliza muito o trabalho quando você está usando dois ou mais programas ou janelas.

Já o atalho Ctrl + Tab tem uma função semelhante. Ele alterna em as abas. Os navegadores atuais trabalham com abas. Faça o teste! Abra mais duas abas no seu navegador. Agora aperte as teclas Ctrl + Tab.

Dicas

  • Poderá também mover as janelas e abas para trás. Para isso adicione a tecla Shift aos atalhos. Ficaria assim: Alt + Shift + Tab ou Ctrl + Shif + Tab.
  • No Windows Vista e Windows 7 os usuários poderão usar o atalho Windows + Tab para alternar entre as janelas e programas abertos.

6 – Ctrl + Backspace e Ctrl + Seta Esquerda ou Direita

O atalho Ctrl +Backspace tem a função de apagar uma palavra inteira, em vez de apenas um caractere por vez.

O atalho Ctrl + Seta para esquerda ou direita tem a função de movimentar o curso pelas palavras.Assim ao invés de ficar pressionando a Seta para esquerda ou direita até chegarmos no ponto desejado, seguramos o Ctrl junto e agilizamos o nosso trabalho. Se você quiser selecionar as palavras pelas quais o curso está passando, basta pressionar o Shift junto. O atalho, nesse caso, ficaria assim: Ctrl + Shift + Seta para Esquerda ou Direita.

7 – Ctrl + S

O atalho Ctrl + S tem a função de salvar. Então lembre-se, sempre que estiver trabalhando com algo importante, use constantemente este atalho.

8 – Ctrl + Home ou Ctrl + End

Os atalhos Ctrl + Home e Ctrl + End tem a função de mover o cursor até o inicio do documento  mover o cursor até o final do documento respectivamente. Faça o teste! Use esses atalho aqui na página do Guia do PC e veja o que acontece.

9 – Ctrl + P

O atalho Ctrl + P tem a função de abrir uma pré-visualização de impressão. Faça o teste! Pressione agora as teclas Ctrl + P e veja como ficaria essa matéria impressa. Poderá imprimi-la e distribuir aos seus amigos e familiares.

10 – Page Up, barra de espaço, e Page Down

As teclas Page Up e Page Down têm a função de mover a página para cima e para baixo respectivamente. A barra de espaço também pode ser utilizada para mover a página para baixo.

Dica

  • Se você utiliza a barra de espaço para mover as páginas para baixo, experimente adicionar o botão Shift ao comando.

Conclusão

De fato, a utilização dos atalhos do teclado economizam muito o nosso tempo e, respectivamente, nosso dinheiro. Procure utilizar sempre esses atalhos. No começo pode ser difícil, mas com o tempo, você acaba se acostumando e não consegue mais viver sem eles! Compartilhem com seus amigos essa ótima dica.

No Windows 8 e 8.1 os atalhos são nossos melhores amigos!

Blog, Servidores, Smartphones, Windows, Windows 7, Windows 8, Windows 8.1

Memória RAM vazia é um desperdício!

O seu Windows, Linux, Android ou outro sistema operacional está usando muita memória RAM? Não entre em pânico! Os sistemas operacionais modernos usam memória RAM como um cache de arquivos para acelerar as coisas. Se o seu computador está tendo um bom desempenho, não há motivos para preocupação.

Embora possa parecer um pouco contra intuitivo, um alto uso da memória RAM é muito bom! Memória RAM vazia é um desperdício.

Mau uso da memória VS Bom uso da memória

Mau uso da memória VS Bom uso da memória

Mau uso da memória VS Bom uso da memória

Em primeiro lugar, embora um alto uso de memória RAM, em geral, seja uma coisa boa, isso nem sempre é assim. Vamos entender. Se o seu computador parece muito lento, sua memória RAM está cheia e a luz do seu HD (disco rígido) está piscando constantemente, o seu PC está fazendo muito uso da memória de paginação. Esses sintomas indicam que a sua memória RAM não está dando conta dos processos do seu computador que, por sua vez, está desesperadamente usando a memória de paginação, que se encontra no HD, (que é muito mais lento para acesso) para tentar conter o número de processos que já transbordaram da memória RAM.

Veja aqui uma boa opção para tentar resolver o uso de 100% do HD no Windows 8 e 8.1

Se isso está acontecendo com o seu computador é necessário que você obtenha mais memória RAM ou que passe a usar programas que consumam menos memória. Isso definitivamente é uma coisa ruim.

No entanto, há uma clara diferença entre este caso, em que o computador não está funcionando bem, e o caso mais comum, onde o computador está com um excelente desempenho, mas está consumindo uma quantidade enorme de memória apenas com poucos programas abertos. Essa é a diferença entre o mau e o bom uso de memória RAM pelo computador. Lembre-se, memória RAM vazia é um desperdício. Por outro lado, uma memória RAM cheia de cache, mas que não está sobrecarrega como no exemplo acima, levando o computador a usar a memória de paginação, significa melhor desempenho para seu computador. Vamos entender melhor!

Cache de disco

Instale o Windows XP num computador e verá que ele consome várias centenas de megabytes de RAM enquanto o sistema estiver ocioso. Agora instale o Windows 7 no mesmo computador. Você também notará que ele usará vários gigabytes de RAM na mesma situação (ocioso).

Então, o que acontece? O Windows XP é apenas uma sistema operacional mais leve e rápido? Será que os sistemas operacionais modernos estão desperdiçando memória? Não é bem assim.

A memória RAM que está disponível hoje é muito mais abundante que na época em que o Windows XP foi desenvolvido. Os sistemas operacionais modernos tiram proveito dessa grande quantidade de RAM que temos disponíveis em nossos computadores. Como foi explicado no início deste artigo, os SO modernos usam a memória RAM do seu PC como um cache para arquivos e programas acessados com frequência.

No Windows, esse serviço é chamado de SuperFetch e foi introduzido no Windows Vista. O SuperFetch trabalha observando como você usa o computador. Ele analisa quais programas você mais utiliza. Feito isso, ele carrega os arquivos e dados desses programas na memória RAM, antes que você precise deles. Quando você iniciar o aplicativo, o Windows carregará o programa a partir da memória RAM, não do HD (que é um processo lento). Isso acelera o carregamento do software e a utilização dele. Também melhora o desempenho do computador. É por isso que memória RAM vazia é um desperdício, visto que se ela estiver cheia de cache dos programas que você mais usa, todo o processo ficará mais rápido.

SuperFetch

SuperFetch no Windows 8.1

Isso também acontece no Linux. Muitos usuários novatos no SO podem se surpreender com a quantidade de memória RAM sendo utilizada. Muitos programas de monitoramento como o GNOME System Monitor escondem o real consumo de memória, para que os usuários não se preocupem com isso. Se você desejar saber o quanto de cache existe na memória RAM digite o comando “free” e procure pela aba “cached“.

Browsers e outros softwares

O mesmo se aplica a navegadores de Internet e outros programas que usam o seu próprio cache. Se você notar que um navegador está usando muita memória RAM, como o Google Chrome por exemplo, isso não necessariamente é uma coisa ruim. Se você tem uma grande quantidade de RAM no computador é bom que o Chrome use-a. O cache armazenado, fará que as páginas que você mais acessa, carrega mais rápido. Também fará com que a navegação entre os botões “Voltar” e “Avançar” seja mais rápida. Não se preocupe com o tamanho do cache que o navegador irá usar. O Google Chrome e a maioria dos navegadores atuais determinam automaticamente o tamanho do cache que utilizaram baseados na quantidade da sua memória RAM. Mas tenha em mente que quando maior sua RAM, mais memória os navegadores utilizaram para melhorar sua navegação.

ca

Cache Google Chrome

O mesmo se aplica para o outros softwares. Programas com alto uso de memória podem estar fazendo bom uso de sua memória RAM, e não desperdiçando-a.

Por que memória RAM vazia é inútil?

Você pode está pensando: “Mas o tamanho de cache na minha memória RAM é muito grande. Eu quero ter memória RAM disponível para os programas que eu desejar, não os que o sistema operacional acha que é melhor”.

Mas isso é uma preocupação desnecessária. Entenda: A sua memória RAM estando cheia ou vazia, será usada, de toda forma, para os programas que você deseja usar. O cache daqueles programas que você não usa há bastante tempo é marcado com “baixa prioridade” e são descartados automaticamente assim que o sistema precisar de memória.

Como esses dados podem ser descartados imediatamente quando necessário, não há nenhuma desvantagem em usar a memória RAM para cache.

Memória RAM vazia é inútil. Não é mais rápido para o computador gravar dados numa RAM vazia. A RAM vazia também não gasta menos energia. Pelo contrário, ela irá economizar energia, visto que executará todos os processos mais rápido.

Conclusão

É por esses motivos que usar programas para limpar o cache no Android ou em outros sistemas operacionais não é uma boa ideia. Ficar se preocupado que o computador está enchendo sua memória de cache também não é uma boa ideia.

Também é por esses motivos que, utilizar o Windows XP num computador moderno não é uma ideia inteligente. Enquanto o uso de memória RAM no Windows XP  pode ser menor do no Windows 7, isso não é necessariamente uma coisa boa se você tem um computador com uma boa quantidade de memória RAM.

Economizando no tamanho da Pasta do Windows
Blog, Windows, Windows 7, Windows 8, Windows 8.1

Economizando no tamanho da Pasta do Windows – Windows 7, 8 e 8.1

Economizando no tamanho da Pasta do Windows

A pasta WinSXS se encontra no caminho C:/Windows/WinSXS. É uma pasta enorme e continua a crescer com o passar do tempo. Na verdade, quanto mais tempo usar o Windows, mais essa pasta vai crescer. No meu caso, estou utilizando o Windows 8.1 a menos de um mês e minha pasta já tem 3,65GB. Imagine daqui a um ano! Mas o que é esta pasta?

A pasta WinSXS acumula arquivos desnecessários ao longo do tempo, bem como versões antigas de componentes do sistema. Essa pasta também armazena componentes do Windows que já foram desinstalados. Mesmo que você não tenha mais o componente instalado no seu computador, ele estará na pasta WinSXS ocupando espaço.

Por que a pasta WinSXS fica tão grande?

A pasta WinSXS contém todos os componentes de sistema do Windows. Na verdade, os arquivos dos componentes instalados em outras partes do Windows, são apenas links para os arquivos contidos na pasta WinSXS. É lá que estão todos os arquivos do sistema operacional.

Quando o Windows instala uma nova atualização, a antiga vai para a pasta WinSXS. Deixando essa pasta cada vez maior com o passar do tempo. A atualização antiga é guardada nessa pasta, para caso a nova atualização tenha algum bug e seja necessário desinstala-la. No entanto, isso raramente acontece. Dificilmente encontramos usuários desinstalando atualizações porque estão causando algum erro no sistema.

O Windows 7 possui um recurso que tem como objetivo limpar os arquivos de atualizações antigas sempre que fosse instalado um novo service pack. No entanto, só foi lançado um service pack para o Windows 7. Assim, por mais de três anos os arquivos de atualizações do Windows 7 estão consumindo espaço desnecessários do HD.

Como limpar os arquivos de atualizações antigas?

Para corrigir esse problema, o Windows 7 recentemente “herdou” uma ferramenta do Windows 8. A Microsoft fez isso sem muito alarde, uma atualização pequena que permite fazer a limpeza dos arquivos de atualizações antigas:

 passo: Aperte a tecla “Windows” e digite “Limpeza de Disco”.

Economizando no tamanho da Pasta do Windows

Limpeza de Disco

2º passo: Na janela que aparecer, aperte o botão “Limpar Arquivos do Sistema”. O assistente irá fazer novamente uma análise. Depois que a análise terminar, marque a opção “Limpeza do Windows Update” e clique em “Ok”.

Economizando no tamanho da Pasta do Windows

Limpeza do Windows Update

Se você já utilizar o Windows 7 a alguns anos, será capaz de liberar alguns gigabytes de espaço. Na próxima vez que iniciar o computador, o Windows irá demorar um pouco para iniciar.

O Windows 8 e 8.1 já vem com um recurso integrado para fazer isso automaticamente. Na verdade, há uma tarefa agendada no Agendador de Tarefas do Windows chamada StartComponentCleanup. A função dessa tarefa é limpar, em segundo plano, os componentes antigos a cada 30 dias. Esse período de 30 dias serve para você desinstalar uma atualização caso ela apresente algum problema.

Economizando no tamanho da Pasta do Windows

StartComponentCleanup

Se você quiser apagar manualmente as atualizações do Windows Update, poderá fazer isso pela mesma ferramenta que utilizamos no Windows 7. Os passos são os mesmos.

Economizando no tamanho da Pasta do Windows

Limpeza de Disco

Remover recursos do Windows

Nas versões mais modernas do Windows é possível ativar ou desativar os recursos do Windows. Poderá encontrar essa lista na janela “Recursos do Windows” no Painel de Controle.

Economizando no tamanho da Pasta do Windows

Recursos do Windows.

Mesmo os recursos que você não tem instalado consomem espaço no disco rígido, ou seja, os recursos que você vê desmarcados na lista, são armazenados na pasta WinSXS. Se você quiser instala-los um dia, eles estarão disponíveis para você a partir da pasta WinSXS. Assim não é necessário um download para instalar o recurso.

Isso ocupa espaço. Enquanto isso não incomoda usuários comuns, os usuários com baixíssima quantidade de espaço, como administradores de servidores, querem ter todo espaço possível disponível. Pensando nisso o Windows 8 conta com uma nova opção que permite desinstalar os recursos armazenados na pasta WinSXS que não estão instalados no computador. Se mais tarde precisar de algum recurso desinstalado, o sistema pedirá para fazer um download. Veja como é simples:

1º passo: Abra o Prompt de Comando como Administrador. Para isso aperte a tecla “Windows” e digite “cmd”. Clique com o botão direito do mouse sobre a aplicação “cmd.exe” e selecione a opção “Executar como Administrador”.

2º passo: No prompt digite o seguinte comando: “DISM.exe /Online /English /Get-Features /Format:Table

Economizando no tamanho da Pasta do Windows

 

3º passo: Você verá uma lista com os recursos e seus estados. Para remover os recursos digite ou copie e cole o seguinte comando: “DISM.exe /Online /Disable-Feature /featurename:NOME /Remove“. Substitua o “NOME”, no comando, pelo nome do recurso que deseja desinstalar. Poderá ver os nomes dos recursos na própria lista no prompt de comando.

Pronto! Você poderá remover quantos recursos desejar e assim aumentar o seu armazenamento interno. Se digitar o primeiro comando novamente notará que ele aparecerá com Status Removido.

Esperam que as dicas de hoje possam ter esclarecido as dúvidas de muitos sobre o assunto. Compartilhe esse post para mais pessoas possam ficar sabendo como liberar mais espaço para seu computador!